jun
6
2012

HP abre fogo contra EMC no mercado de desduplicação

A HP anunciou guerra contra a EMC no mercado de desduplicação ao anunciar seus produtos durante o HP Discover, que ocorre nesta semana em Las Vegas (Nevada, Estados Unidos). Em todas as palestras e entrevistas, os executivos da companhia deixaram claro que a briga será boa. As principais armas da HP serão os produtos apresentados, que prometem economia de 75% se comparados aos serviços da concorrente.

David Scott, vice-presidente sênior e general manager da HP Storage, começou o discurso duro contra a concorrente ao afirmar que a recuperação dos dados feita pelos seus produtos chega a 40 TB por hora, cinco vezes mais rápido do que a concorrência. Há duas semanas, durante o EMC World, a EMC anunciou a sua última versão do Data Domain Technology, o DD990 Boost.

“Na época, eles alegaram serem líderes da indústria. Mas comparado com o que o Catalyst traz, você pode ver a perda de liderança em apenas duas semanas. Efetivamente hoje, nós somos a única plataforma que entrega a opção de alta disponibilidade”, afirmou Scott. “Nós podemos atingir mais de 300% de agilidade de performance de domínio de dado do que o produto da EMC.”

Dados da HP mostram que, atualmente, a EMC é a líder de mercado com 70% da fatia. Para a empresa, este é um ótimo setor para ficar na mão apenas de uma fornecedora. Assim, eles acreditam ter dado um fim na “primeira onda de deduplicação”.  Craig Nunes, vice-presidente de marketing de Storage, afirmou que a forte aposta vem de pesquisas. “O que descobrimos com especialistas do HP Labs é que a concorrência desenvolve um algoritmo de armazenamento em vez de um algoritmo para um propósito específico, o que atende a muito mais consumidores”, explicou.

“Esse mercado não é tão diferente do de networking. Um grande líder e outros mercados menores. Nós queremos ser um provedor muito substancial nesse espaço”, afimou Nunes, que apontou que a 3par enfrentou uma situação bem semelhante com a EMC dominando o mercado de Data Center. “Descobrimos que nos últimos seis trimestres nós fomos capazes de competir com a EMC em centenas de contratos. Em alguns casos tivemos que substituir os Data Centers da EMC porque a tecnologia faz coisas especiais e o approach não é diferente com o StoreOnce. Nós vamos entrar [no setor] e economizar 70% do tempo. A ideia é que resolveremos um problema doloroso sentido pelos nosso clientes.”

As principais vantages do HP StoreOnce sobre o EMC DD990 apontadas pela companhia são: alta disponibilidade de reinicialização automática; velocidade de backup de 100 terabytes por hora, três vezes mais rápido que a concorrência e velocidade de recuperação de 40 tb por hora, cinco vezes mais rápido que o DD990.

EMC responde ao ataque

Rodrigo Gazzaneo, vSpecialist para EMC América Latina, afirma que esse é o momento de esperar para ver, pois “a HP terá que provar para o mercado todos os anúncios e os clientes terão que testar”. “Somos líderes de mercado, com 70% de market share de acordo com o IDC, e a função da HP é exatamente bater que este mercado será deles, mas vão ter que provar isso”, analisou.

Como observou Gazzaneo, a mensagem da HP está muito atrelada à performance, mas está não é a única métrica que deve ser levado em consideração. ”Eficiência, integração, nível de serviço elevado, confiabilidade e vários outros fatores comprovam nossa liderança”, posicionou o executivo.

Esse tipo de ataque é tido como muito comum pelo vSpecialist da EMC, pois no mercado de virtualização “vemos Oracle e Microsoft também atacando a VMware para mostrar onde são melhores”. “É um momento de lançamento e esses ataques fazem parte do repertório”, afirmou.

.

Fonte: Originalmente publicado por CRN em 5 de junho de 2012